Saiba como fazer portabilidade de créditos para quitar suas dividas junto ao Banco

Atualmente, com a crise em que vivemos que foi agravada ainda mais por conta da pandemia, muitas pessoas possuem dívidas com bancos, que sofrem a incidência de juros altíssimos e podem se numa grande dor de cabeça para o cidadão.

Pensando nisso, decidimos escrever o presente artigo falando sobre como utilizar da portabilidade de crédito para sair do aperto.

Ficou interessado? Então confira o nosso artigo até o final!

Portabilidade de créditos para quitar suas dividas

Quem pensa em como quitar dívidas com o banco pode vender a sua dívida para outra instituição financeira. Em alguns casos pagando menos taxas de juros através da portabilidade de crédito.

A análise de Ricardo Cid do site Bons Investimentos, indica que essa é uma excelente opção para quem não tem condições ganhar um fôlego extra na hora de pagar suas dividas.

Essa modalidade permite que o devedor negocie a dívida com preços e prazos melhores em outros bancos. E assim, realize a transferência da dívida com melhores opções para pagamento e rapidez.

Além disso, a portabilidade de crédito permite a concentração de todas as dívidas em um único local. Evitando taxas extras e muita burocracia em alguns casos. Vamos falar agora sobre como realizar a portabilidade de credito de um banco para outro.

Passo a passo para a portabilidade

Para realizar a portabilidade de crédito o cliente terá que realizar suas pesquisas em outras instituições. Após encontrar um contrato é assinado e somente depois da assinatura é que a portabilidade acontece.

Vamos ao passo a passo em como quitar dívidas com banco e a portabilidade:

  • Primeiro passo: solicite ao banco onde está o contrato uma lista com todos os contratos que estão vigentes;
  • Segundo: solicite o valor do CET ou custo efetivo total do contrato, o que está relacionado aos custos da operação e os valores de quitação antecipada das pendências;
  • Terceiro: antes e realizar a portabilidade para a instituição escolhida verifique se existe essa possibilidade;
  • Quarto: tendo a instituição confirmado a portabilidade, os pagamentos relacionados ao contrato vigente na outra instituição são pagos;
  •  Assim, um novo contrato com os valores da portabilidade é assinado.

Sempre lembrando que, é necessária muita paciência a cautela no momento da escolha da nova instituição. Contudo, realizados os procedimentos, na grande maioria das vezes o cliente ou devedor sai ganhando.

E você caro leito, já sabia como fazer uso desse crédito para pagar sua divida junto ao banco? Aproveite o espaço para comentários abaixo e compartilhe a sua experiência com os leitores do nosso blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *